domingo, 26 de abril de 2009

A Essência da Gratidão


“Ser lembrado é acima de tudo um agradecimento que deve ser retribuído com um obrigado muito especial, feito de dentro para fora, do coração para o mundo”. (Vinítius Sales)

“Portanto, daí a cada um o que deveis: a quem tributo, tributo; a quem imposto, imposto; a quem temor, temor; a quem HONRA, HONRA” (Paulo de Tácito / Rm 13: 7)

Há uma grande sabedoria nessas palavras do escritor hebreu. A maioria de nós quase sempre não assimila princípios tão básicos. Não, não estou começando um sermão religioso; mas sim uma reflexão cotidiana, cuja todos nós deveríamos fazer.
Não paramos para agradecer a quem mais deveríamos. Quão comum cena é ver um filho diante do caixão da mãe dizendo repetidamente que a ama; porém o mesmo muitas das vezes nunca disse isso, nem se quer uma única vez, enquanto a mãe estava viva.
Quantas pessoas não passam pela sua vida, quantas não marcaram seus dias, quantas não são inesquecíveis, quantas você não admira sem nunca ter as mostrado, ou ao menos agradecido? Sim, isso também acontece comigo.
Às vezes por um vacilo perdemos a oportunidade única, entretanto, quase sempre não fazemos isso por motivos fúteis. Esquecemos que se não falarmos, expressarmos o que sentimos, essas pessoas queridas nunca saberão. Apenas nos travamos em formalidades e constrangimentos. Devemos mudar isso já e sempre! Não perca mais oportunidades de dar honra a quem tem honra, carinho a quem merece carinho, elogios a quem é especial e por ai vai...
Assim você deixará um “pedaço” de você para sempre naquela pessoa, eternizará um momento, marcará a alma. Essa é a essência da gratidão que, todavia, não se transcreve apenas em palavras, mas em emoção.

--------------------------------------------------------------------------------------

PS:
Claro, sou grato a todos os amigos, pessoas que admiro e aqueles que foram/são especiais para mim. E sempre busco os expressar isso.
Contudo, aqui não vou citar nomes, para não correr o risco de esquecer alguém. A não ser revelar uma das fontes recentes que me expiraram a escrever este texto, uma vez que ainda não disse claramente o quanto ela é especial para mim. Amandinha Souzza minha querida, você é nota 1000! É tão bom encontrar alguém como você, que mesmo depois de tanto tempo dá aquele “abraço de urso”! Se ainda não lhe disse, aproveito esta ocasião, você sempre terá seu lugar em nossos corações, digo “nossos” porque sei que todos que a conhecem pensam assim também! Continue sempre assim, com esse seu jeito alegre e simples de ser! Beijos.

sábado, 4 de abril de 2009

Pôr-do-sol


A flor no deserto
O pôr-do-sol muda tudo;
O sol que queimara, agora apenas brilha
E tudo o que ele toca transforma em ouro...

Apenas veja e observe,
Não tente mudar nada;
Este momento já é suficiente para mudar,
Mudar tudo...

Toda a violência se transforma em calma,
Ao pôr-do-sol o planeta se acalma,
Minha mente se acalma,
Este momento é suficiente para mudar tudo...

Banhado nesse brilho
Ouso trocar a cor da paz,
Por um instante ela é dourada,
Todo o mundo é dourado, seus olhos são dourados...

Se eu pudesse através dessas palavras
Libertar seu espírito, eu faria;
Se o pôr-do-sol durasse mais
Com ele este poema ecoaria, tudo mudaria...
Sim, este momento é suficiente para mudar tudo.